Nova Araçá enfrenta surto de coronavírus na principal empresa da cidade

Frigorífico ficará 72 horas fechado e terá teste em massa para identificar possíveis infectados

Nova Araçá enfrenta surto de coronavírus na principal empresa da cidade

A cidade de Nova Araçá viu o número de infectados pelo coronavírus saltar em menos de um mês. Em 4 de maio, o município registrava o primeiro caso positivo da covid-19, e 23 dias depois atingiu 39 contaminados, segundo atualização da quarta-feira (27), além de uma morte. Fatos que demonstram um surto localizado, afinal um frigorífico emprega cerca de um terço dos moradores, direta e indiretamente.

Os surtos em frigoríficos vêm sendo registrados com certa constância no mês de maio, na Serra Gaúcha. Não foi diferente em Nova Araçá, onde cerca de 25 exames positivos e a morte de um homem de 46 anos têm algum tipo de relação com a empresa — funcionários diretos, indiretos e os seus familiares. Isso levou a prefeitura da cidade a tomar algumas decisões que terão um impacto na produção da empresa.

 Nós estamos numa semana de muitas decisões. Alinhamos junto ao Ministério Público do Trabalho e com a empresa para fecharmos a unidade nesta sexta (29), sábado (30) e domingo (31). Será feita a testagem em massa de todos os trabalhadores, e na segunda-feira (1º), ela retorna com até 50% dos trabalhadores. Sendo que já serão isolados os casos gripais e os testes positivos do fim de semana  relata Cláudia Daniel, secretária da saúde de Nova Araçá.

Outro ponto que explica o crescimento no número de casos é a ampliação da testagem. A pasta da saúde decidiu que todas as pessoas que forem para isolamento por uma síndrome gripal serão testadas após o 10º dia.

 Começamos enquadrar eles não pelos critérios epidemiológicos, mas se eles eram positivos ou não. Estamos dando um pouco de clareza aos isolados, para eles entenderem a forma como isso estava sendo feito. Hoje temos as síndromes gripais, mas elas são decorrente do covid ou não? Então, só o exame para nos confirmar isso complementa Cláudia.

A covid-19 já não está mais concentrada num surto ou apenas no frigorífico. Os registros já são comunitários e de moradores que trabalham em outras cidades. Por mais que os números estejam em uma crescente, o alento é de que não há ninguém hospitalizado até a última atualização. Mas, Nova Araçá, tendo cerca de 5 mil habitantes, reforça que todas as atenções são necessárias.



Fonte(s): Jornal Pioneiro / CAXIAS DO SUL
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Comentários

Veja também

\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\

Envie sua mensagem e assim que possível estaremos respondendo!